Tapera

Tapera Taperá

“Tapera: [do Tupi] - Aldeia abandonada; habitação em ruínas.
“Taperá: [Zool.]- Taperá é o nome popular de uma ave, o mesmo que andorinha-do-campo. (Taperás fazem ninhos em Taperas.)

Tapera representa o passado. Taperá, o futuro.
Estamos em algum lugar entre o passado e o futuro.
Passado e futuro se interpenetram no presente.
Livros são uma das principais formas, senão a principal, de transmissão de cultura no tempo.

"Inundação da Varzea do Carmo", Benedito Calixto, 1892.



A Tapera Taperá é uma biblioteca, livraria, espaço cultural. Um experimento, tentativa, ensaio, um esboço em construção. Sem fins lucrativos, sem objetivos claros, sem maiores planejamento e precisão. Estamos numa esquina da charmosa Galeria Metrópole, com muito verde por perto, na Av. São Luís, 187 , centro de São Paulo, a cerca de 150 metros da estação República do metrô. A Tapera Taperá está aberta ao público das 10h00 até 20h00 de segunda a sexta e de 10h00 a 18h00 aos sábados.

Equipe:
Antonio Freitas - responsável pela Tapera
Bárbara Blum - eventos e livraria
Cintia Oliveira - comunicação e eventos
Milena Varallo - eventos e livraria
Miriam Rangel - financeiro e administrativo
Leia Santos - bibliotecária