Conversa “O Pior Emprego do Mundo”

Date: 9 de maio de 2019
Time: 19:00  to  22:00

No dia 09 de maio a Tapera recebe os jornalistas Thomas Traumann e João Villaverde para debate sobre o livro “O pior emprego do mundo”, lançado recentemente por Traumann.

“É um relato sobre o exercício do poder visto pelo recorte do cargo mais complexo da máquina pública, o do ministro da Fazenda. Responsável formalmente pela condução da política econômica e pela direção dos bancos estatais, o ministro da Fazenda exerce, na prática, a liderança de um primeiro-ministro. Com a peculiaridade de precisar de apenas um voto, o do presidente”, explica o autor no prefácio. Abordando as piores crises econômicas das últimas cinco décadas, Thomas explica como o Brasil se tornou em certo momento o país com a maior dívida externa do mundo, de que maneira os protestos de 2013 influenciaram na explosão do déficit das contas públicas e como a economia foi decisiva para a deposição de Fernando Collor e Dilma Rousseff, mas salvou FHC, Lula e Michel Temer nas votações no Congresso.

Para traçar o panorama do milagre econômico vivido entre os anos 1960 e 1970 à recessão do século XXI, Thomas entrevistou ao longo de mais de um ano os ministros Ernane Galvêas, Delfim Netto, Francisco Dornelles, João Sayad, Luiz Carlos Bresser Pereira, Maílson da Nóbrega, Zélia Cardoso de Mello, Marcílio Marques Moreira, Fernando Henrique Cardoso, Rubens Ricupero, Antonio Palocci, Guido Mantega, Joaquim Levy, Nelson Barbosa e Henrique Meirelles. Eles ocuparam o cargo que em tese seria de auxiliar do presidente, mas na prática acabou se tornando o de protagonista das decisões mais importantes do governo. Por estar inserido em uma rede de intrigas, conspiração e pressão, Thomas define o cargo de ministro da Fazendo como o ‘pior emprego do mundo’.”

Thomas Traumann é consultor independente e Pesquisador da Diretoria de Análise de Políticas Públicas da Fundação Getúlio Vargas (DAPP-FGV), no Rio de Janeiro. Foi porta-voz presidencial e ministro de Comunicação Social entre 2011-2015 e membro do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social da Presidência da República. Trabalhou nas redações do jornal Folha de S. Paulo e das revistas Veja e Época, além de ocupar cargos de direção em grandes agências de comunicação corporativa. Como repórter, Traumann cobriu de escândalos políticos como o Mensalão à guerrilha na Colômbia, das privatizações da telefonia ao desmatamento na Amazônia. Foi colunista de política e coordenou mais de oitenta capas de revista.
Organizou a estratégia digital do governo federal, coordenou a comunicação da Copa do Mundo de 2014 e fez parte da delegação oficial do Brasil em mais de vinte viagens oficiais, incluindo os encontros de cúpula do G20 e BRICS.

João Villaverde é jornalista, mestre em Administração Pública e Governo pela FGV-SP e consultor. Foi pesquisador visitante na Universidade de Columbia, em Nova York, na School of International and Public Affairs (SIPA), em 2016. Trabalhou por 12 anos nas redações dos jornais Valor Econômico e O Estado de S. Paulo, tendo ganhado dois prêmios consecutivos de Melhor Reportagem pelo Estadão (em 2014 e 2015). É autor do livro-reportagem “Perigosas Pedaladas – Os bastidores da crise que abalou o Brasil e levou ao fim o governo Dilma Rousseff” (Geração Editorial, 2016).

Página do evento no Facebook: clique aqui.

CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn