Lançamento: Conversa noturna e outras histórias

Date: 21 de agosto de 2019
Time: 19:00  to  22:00

Lançamento
Conversa noturna e outras histórias,
de Leonid Andrêiev (1871 – 1919)

Apresentação e debates:
Profª Elena Vássina
FFLCH-USP

Neste ano de 2019 completa-se o centenário da morte, prematura, de Leonid Andrêiev. Tal evento não poderia passar em branco junto aos leitores lusófonos de literatura russa. Embora muito famoso e popular em seu tempo, Andrêiev não desfruta hoje do reconhecimento e da divulgação que merece em língua portuguesa. Esta edição inédita de obras do autor, em cuidadosa tradução diretamente do original russo, pretende preencher em parte esta grande lacuna e, ao mesmo tempo, lhe prestar uma merecida e sincera homenagem.

O lançamento do livro contará com a participação da Profª Elena Vássina (FFLCH-USP), que fará uma apresentação da vida e obra do autor, seguida de debates com os participantes.

Sobre o autor
Andrêiev (1871 – 1919) foi uma pessoa muito antenada com seu tempo. Utilizando uma ideia contemporânea, podemos qualificá-lo como um profissional multimídia: foi escritor, dramaturgo, crítico, ensaísta, pintor e fotógrafo, além do envolvimento com assuntos da política em uma Rússia pré-revolucionária. Na fotografia, inclusive, foi um dos primeiros fotógrafos do mundo a utilizar a então recém desenvolvida técnica de fotografia colorida dos irmãos Lumière, na França, denominada Autochrome.

Tamanha inquietação pessoal e intelectual reflete-se plenamente em sua obra multifacetada, da qual este livro é uma amostra modesta, porém justa e ampla o suficiente para demostrar todas as qualidades deste genial autor.

Sobre o livro
São ao todo 19 textos, sendo 18 contos e novelas e uma peça de teatro, gênero em que o autor também foi muito prolífico, em mais de 350 páginas, com esmerada produção editorial e gráfica.

O leitor encontrará nos textos desde a ternura e compaixão de Andrêiev pelas pessoas simples do povo russo, como também reflexões filosóficas sobre o sentido da vida, passando, ainda, pelo lado sombrio e soturno característico de sua obra e finalizando com um toque de humor.

Evento do Facebook: Clique aqui