Lançamento do livro “Parentes”, de Rogério Ferrari

Date: 23 de maio de 2019
Time: 19:00  to  22:00

“Parentes” é o volume mais recente da obra que o fotógrafo e antropólogo Rogério Ferrari vem compondo no âmbito do projeto Existências-Resistência. O livro, que será lançado no próximo dia 23/04, às 19h, na Tapera Taperá, é um registro de povos indígenas na Bahia e resulta da itinerância do fotógrafo que percorreu diferentes regiões do estado para mostrar “a face, para muitos desconhecida, dos nossos parentes”. Neste trabalho, Ferrari coloca em evidência “a diversidade, a permanência e a resistência dos povos originários na Bahia”, revelando, em 64 imagens em preto e branco, a “face” dos Pataxó, Pataxó Hã Hã Hãe, Tupinambá, Pankaru, Pankararé, Tuxá, Atikun, Kaimbé, Tumbalalá, Kiriri, Kantaturé, Tuxi, Kariri-Xocó e Truká. Neste sentido, o livro torna-se lugar de encontro – ou reencontro – entre o leitor e esses parentes, pois, para o autor, “os retratos sugerem um autoreconhecimento coletivo e a reiteração de uma identidade e de uma solidariedade negligenciadas”.

Parentes reúne ainda textos essenciais que amplificam o diálogo proposto por Rogério Ferrari com o leitor, como o do pataxó Genilson Tacuari, que assina o posfácio. O volume conta com contribuições importantes de pesquisadores do Programa de Pesquisas sobre Povos Indígenas do Nordeste Brasileiro – PINEB, como a de sua coordenadora, a antropóloga Maria do Rosário Carvalho, professora da Universidade Federal da Bahia – UFBA, que prefacia a obra. Já o antropólogo José Augusto Laranjeiras Sampaio, professor da Universidade do Estado da Bahia – UNEB, pesquisador associado do mesmo programa, faz uma análise sobre a condição das terras indígenas na Bahia.

Sobre o autor: Fotógrafo independente, Rogério Ferrari vem retratando povos de várias partes do mundo que resistem para existir. Ele assina uma obra singular que chega agora ao seu sétimo volume (Parentes), e se inscreve no âmbito do projeto Existências-Resistências, que, através de suas publicações, de debates e exposições fotográficas têm evidenciado as lutas dos Palestinos, dos Curdos, dos Zapatistas, dos Saarauis, no Chile, dos Ciganos, na Bahia, dos Guarani Kaiowá, e dos Mapuche.

Com argumentos sólidos, sua obra publicizada já tem inscrições no campo cinematográfico, através do curta-metragem Muros, de Camele Queiroz e Fabricio Ramos, e no âmbito da pesquisa acadêmica como tema de artigos e dissertações: Nosoutros, Os Ciganos. Entre o Estigma e a Resistência (2016), defendida por Rogério Ferrari, no mestrado do Programa de Pós-Graduação em Antropologia da UFBA; e “O que faria com aquilo que entrava pelos meus olhos?” – Gesto e poética na fotografia de Rogério Ferrari (2016), defendida por Cássia Nunes, para obtenção do grau de Mestre, no Programa de Pós-Graduação em Cultura e Sociedade (UFBA).

SERVIÇO:
Lançamento do Livro “Parentes”, de Rogério Ferrari.
Edição do autor, 2018
140 páginas
R$ 70,00
Local: Tapera Taperá (Av. São Luís, 187 – 2º andar, loja 29 – República, São Paulo)
Data / Horário: 23/04, quinta-feira, às 19h
Entrada franca

Página do evento no Facebook: clique aqui.

CompartilharShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn